Metas e Sonhos

Você está satisfeito com sua vida atual? Com sua vida pessoal e profissional? Daqui a seis meses, você vai estar satisfeito?

Você está fazendo algo para mudar essa insatisfação?

Afinal, você é o dono da sua própria vida. Se você não fizer nada para mudar seu atual cenário, nada irá melhorar.

A promoção não vai cair do céu, o lucro não vai subir sozinho e nem sua equipe vai ser motivada sozinha.

É verdade que existe a lei da atração, onde desejar e acreditar irá fazer você ver melhor as oportunidades, aprendendo a aproveitá-las, devidamente. Porém, só desejar não irá mudar sua vida.

E por mais cômodo que seja, culpar seus funcionários, o tempo, o mercado ou seu chefe só irá piorar sua situação. Eu já escrevi sobre a transferência de culpa que saiu em uma matéria do Jornal Folha Dirigida.

Clique aqui e leia o artigo do Jornal Folha Dirigida

Quando realizamos a transferência de culpa, estamos transferindo também a solução. Afinal, se você não é culpado não fará nada para mudar, certo?

Assuma a responsabilidade de mudanças, só assim você conseguirá superar suas metas.

Respire fundo e afaste de sua mente seus problemas e preocupações. Pegue algumas folhas limpas, de sua preferência. Sem ou com pauta, branca ou colorida, inteira ou cortada.

Como você quer estar vivendo daqui a 3 meses? Estaremos chegando perto do meio do ano. Já estaremos na Copa do Mundo.

Responda essa pergunta, sem pensar em obstáculos ou com problemas. Imagine e escreva.

Escreva sem se preocupar. Apenas… escreva seus sonhos, como você vai se sentir quando alcançar seus sonhos.

Discurse sobre sua vida pessoal, pense sobre seus atuais relacionamentos familiares, amorosos e de amizades. Escreva como se sente diante de cada um deles, suas alegrias e dores. Escreva como gostaria de se sentir, daqui a 3 meses.

Reflita sobre sua vida profissional, pense em seu atual emprego, em sua empresa, em seus clientes. Você está satisfeito como está? Pense em sua atual renda, em suas despesas e necessidades. Escreva como você gostaria de se sentir, daqui a 3 meses.

Use canetas coloridas, desenhe. Não rabisque, nem apague. Responda a todas as perguntas que vier a sua mente. Quando julgar satisfeito, date o escrito e assine.

Cole a folha na parede, ou a emoldure. Posicione-a em um local de grande atenção.

Defina suas prioridades para daqui a 3 meses. E comece a rascunhar sua meta. Já leu o nosso artigo sobre como definir uma boa meta e 8 dicas para concluir uma meta?

Defina duas metas: Uma pessoal e uma profissional.

Agora você poderá usar borracha e riscar. Defina sub-passos, detalhe bastante, anote mesmo que seja óbvio.

Use um calendário para auxiliar a definir uma boa meta. Date cada passo, do início ao final.

Tenha pelo menos quatro colunas coladas em sua parede, de fácil visão: A folha dos sonhos, o calendário, a folha da meta pessoal e a folha da meta profissional.

Uma folha colada em baixo da outra, forma uma coluna.

De manhã, antes de tudo, observe com atenção cada folha, leia e reflita. À noite, antes de dormir, repita o processo. Tatue em seu cérebro sua decisão de mudar, tatue suas metas e seus objetivos.

Isso irá te ajudar na hora de tomar ações para a realização das metas.

Para ler mais sobre metas, clique no link: http://sergioricardorocha.com.br/metas/

Metas e Sonhos
Metas e Sonhos