Contratar Pessoas é Muito Bom

Adoro contratar pessoas.

Na minha carreira como consultor empresarial, tenho como principal atividade a formação e reestruturação de canais de vendas.  Onde reestruturo as equipes que já existem ou formo novas.

Neste processo tenho que contratar e treinar novos colaboradores. E não são só vendedores. Muitas vezes é necessário fazer uma reestruturação nas equipes administrativas, que oferecem suporte para a área comercial.

Mas não quero falar sobre meu trabalho agora. Quero falar da esperança que vivencio nas pessoas.

Esperança nas pessoas que estão nas empresas, como proprietários, diretores e funcionários.  Eles acreditam que tempos melhores virão, com melhores resultados e empresa mais sólida. Eles passam a sonhar mais.

E principalmente nos candidatos que são contratados. Eles estão desempregados ou empregados e buscando uma melhor oportunidade. É incrível ver o brilho nos olhos deles. A ansiedade por uma nova oportunidade.

Sinto neles a esperança em conquistar uma vida melhor.

Sou contagiado por eles. E também sou atingido.

Contratar Pessoas é Muito Bom
Contratar Pessoas é Muito Bom

A responsabilidade de liderar este momento é muito grande. São muitas famílias que dependem do desempenho deles, das equipes da empresa e da liderança.

Eles não dependem da empresa. Uma empresa é intangível. Eles depende é das pessoas, pois uma empresa é composta por pessoas. Defino uma empresa como o conjunto de pessoas que trabalham nela, com suas competências, experiências, crenças, valores e visão de mundo. Este conjunto cria a cultura da empresa.

É, acho que é isso. Organizando o raciocínio, acredito que uma empresa é representada pela sua cultura empresarial, que define a sua forma como se relaciona com o mundo. E esta cultura é definida, como eu disse acima, pelo somatório das competências, crenças, valores e visão de mundo de todas as pessoas que trabalham na empresa.

Esta cultura coletiva definirá se a empresa será ágil, burocrata, moderna, conservadora, inovadora, agressiva, passiva, se será atenciosa com seus clientes e fornecedores, etc.

E entendendo esta lógica, da importância das pessoas nas empresas e voltando ao raciocínio inicial, digo que sou atingido pelos candidatos pois a responsabilidade de recrutar, selecionar e treinar pessoas é muito grande.

Imagine o seguinte cenário.

Ter 10 vagas para preencher e ter 50 candidatos disponíveis.

Saber que as pessoas das empresas estão repletos de esperança de contratarmos talentos para serem agregados ao grupo. Saber que os candidatos precisam de uma oportunidade para transformarem as suas vidas.

É uma responsabilidade muito grande de escolher o candidato certo, com as competências certas, que esteja preparado no momento, para a vaga certa. E depois de contratar, temos a responsabilidade de treinar, gerenciar e desenvolver continuadamente de forma correta.

E entender que não é possível contratar todos.

Procuro agendar e divulgar para os candidatos que foram entrevistados, que entrem em contato com as empresas em uma determinada data, para que tenham feedback se a vaga já foi preenchida. É claro que os selecionados são contactados por nós, com a boa notícia da contratação e agendamento para a apresentação na empresa.

É horrível participar de um processo seletivo e ficar em casa dia após dia, sem saber como está o recrutamento e torcendo para ser chamado pela empresa.

Utilizo este sistema de feedback sobre a vaga como demostração de respeito aos candidatos. Sei que muitos sonhos e esperanças estão baseados nestas entrevistas. Acredito que é melhor saber que não foi selecionado, do que ficar esperando uma resposta que não chega. Já passei por isso quando iniciei minha carreira. De ficar esperando resposta que não chega. Foram poucas vezes, graças à Deus, mas sei o que é isso.

E  fico sempre na torcida para que os contratados possam seguir carreira e estruturarem suas vidas. E os que não foram contratados possam logo serem contratados em uma empresa que seja digna para eles.

Mas agradeço muito por esta injeção de esperança.

Agradeço aos que já estão nas empresas, aos que estão chegando e aos que não podemos contratar no momento. Pois todos me transmitem muita esperança. Muita força de vontade e muita garra.

Me obrigam a ser melhor. A fazer o meu melhor, para ser digno delas.

Obrigado a todos vocês que permitem que eu participe de alguma forma.

Vocês me fazem viver.

.

Você sabe o perfil comportamental mais adequado para uma vaga de trabalho? Entenda melhor no link abaixo:
http://sergioricardorocha.com.br/teste-identifica-perfil-cerebral/

Antes de contratar, você sabe o motivo da demissão dos funcionários? São pelas as suas atitudes. Leia mais sobre técnicas comportamentais abaixo:
http://sergioricardorocha.com.br/tecnicas-de-vendas-comportamentais/

.

Clique aqui para acessar o Treinamento Gratuito

.

Sergio Ricardo Rocha – Dr Vendas
Palestrante, Consultor e Coach

http://sergioricardorocha.com.br/
https://www.facebook.com/sergioricardorocha
https://www.facebook.com/drvendas